quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Tigre promoverá 'Império festfolia'



Foto - DivulgaçãoA escola de samba Império de Casa Verde abre as portas de sua quadra social para a comunidade acompanhar shows e eventos especiais na véspera do dia oficial de ensaios rumo ao Carnaval de 2012.
A temporada recebeu o nome de 'Impériofestfolia' e terá em sua estréia, show com o grupo Turma do Pagode.
Será a primeira apresentação da banda na quadra da escola, localizada na Casa Verde, zona norte da cidade.
O show acontecerá na sexta-feira, 9 de setembro, à partir das 22 horas e terá na mesma noite a apresentação dos grupos Pegadapah e Nossa Poesia.
Serviço:
Evento - Impériofestfolia
Datas- 9 de setembro
Horário - 22 horas
Entrada - R$ 15
Local - Quadra Social
Endereço  - Avenida Engenheiro Caetano Álvares, 2042 na Casa Verde.
Informações - (11) 2283 0274

Rosas de Ouro abre inscrições para a ala de passistas



Foto - DivulgaçãoPara mostrar ainda mais samba no pé no próximo Carnaval, a Sociedade Rosas de Ouro e o Projeto Renovação abrem inscrições para a ala de passistas.
As inscrições devem ser feitas através do preenchimento de ficha cadastral.
As candidatas deverão comparecer na quadra da agremiação durante a eliminatória de samba-enredo da próxima sexta-feira, 2 de setembro, das 21h até a meia noite.
Junto a ficha de inscrição, as candidatas deverão entregar cópia do RG , foto 3 x 4 e uma foto de corpo inteiro.
A idade mínima para quem pretende participar é 18 anos.
Mais informações no hotsite do Projeto Renovação da Roseira. Clique aqui.

Vai-Vai recebe Walmir Borges



Foto - DivulgaçãoRumo ao Carnaval de 2012, a escola de samba Vai-Vai aumenta suas atividades na quadra e prepara uma programação especial para os próximos meses.
No período de agosto a outubro ocorrem as eliminatórias do samba-enredo e, em setembro, apresentação do cantor Walmir Borges no Camarote Bar Ginga Vai-Vai.

Além de cantor, Walmir Borges também compõe, produz e dirige musicais. Sua carreira teve início em 1994 e contabiliza trabalhos com Alcione, Guilherme Arantes, Paula Lima, Alexandre Pires, Wilson Simoninha, Toni Garrido, Leci Brandão, Leandro Sapucahy e os grupos Pixote e Exaltasamba. Também conquistou nomes como Philip Bailey, do Earth, Wind & Fire, e Seu  Jorge.

A partir do dia 1 de setembro, sempre às quintas-feiras, a abertura de seu show na Vai-Vai será feita pelo Clube do Bocão com aula de Samba-Rock. Compareça!
Serviço:
Evento - Walmir Borges no Camarote Bar Ginga Vai-Vai
Datas- 1, 8, 15 e 22 de setembro
Horário - 19 horas
Entrada - Mulher R$ 10,00 e Homem R$ 15,00
Local - Quadra Social
Endereço  - Rua São Vicente, 276 na Bela Vista
Informações - (11) 3266-2581

Tijuca promove mais uma noite de forró neste sábado



No próximo sábado, a Unidos da Tijuca promete fazer o público dançar novamente ao som dos ritmos nordestinos.
Com a apresentação do Trio Rapadura, a escola pretende envolver os torcedores no enredo sobre Luiz Gonzaga.
A parceria com a Feira de São Cristóvão segue paralela às eliminatórias de samba-enredo.
Também no dia 3 de setembro, a agremiação promove mais uma etapa da disputa, embalada pela bateria "Pura Cadência".

Serviço:

Data: Sábado, 3/09/2011

Horário: 21h30

Ingresso: R$ 10,00

Quadra da Unidos da Tijuca

Av. Francisco Bicalho, 47 - Leopoldina

Informações: 2263-9679 / 2516-2749

Grande Rio segue com 10 sambas na disputa



Foto: DivulgaçãoA escola de samba Acadêmicos do Grande Rio, que prepara para 2012 o enredo "Eu acredito em você. E você?", desenvolvido pelo carnavalesco Cahê Rodrigues, segue com 10 obras na disputa de samba-enredo para o próximo Carnaval. Neste sábado, 3 de setembro, à partir das 23h, será realizada mais uma eliminatória, na quadra de ensaios da agremiação.

"Teremos mais uma noite de alegria e emoção na Grande Rio. Os 10 sambas brigam para se apresentarem da melhor maneira e agradar à todos. Está muito difícil destacar só um samba, todos estão com muita força. Vamos levantar a sapucaí", opinou Squel, 1ª porta-bandeira da escola.

A festa contará com a apresentação de Wantuir, do casal de mestre-sala e porta-bandeira, Luis Felipe e Squel, passistas e baianas. Todos embalados pela bateria da tricolor de Caxias, comandada por mestre Ciça.

O endereço da quadra é rua Wallace Soares, números 5 e 6, no Centro de Duque de Caxias.


Confira as parcerias que serão apresentadas:


1.Beto Mascarenhas, JL Escafura, Marinho, Cesinha e Zezinho

2.Carlos Sena, Badá, Luiz Lima e Foguete

3.Chico da Silva e Paulo Onça

4.Edispuma, Licinho Jr., Marcelinho Santos & Foca

5.João Carlos, Adilson, Reizinho

6.Márcio das Camisas, Moisés Santiago, Mariano Araújo e Isaias

7.Mauro França, André Vicente, Elias de Azevedo, Claúdio Luiz, Delson Calaino e Márcio Roberto

8.Mingau, Regis, Marco Moreno, Dinizio

9.Robson Moratelli, Victor Rangel, James Bernardes e Alexandre Guerra

10.Serginho Sumaré, Marcelo Andrade, Lula e Gilbertinho

São Clemente recebe 15 sambas para disputa



Foto: DivulgaçãoA São Clemente recebeu nesta terça-feira, 30 de agosto, a inscrição de 15 obras que irão participar do concurso de samba-enredo para o Carnaval de 2012. Nesta sexta-feira, 2 de setembro, à partir das 22h, os sambas serão apresentados ao público. Após a inscrição das composições, um sorteio foi realizado com o objetivo de ordenar a apresentação das parcerias. A primeira eliminatória acontecerá no dia 9 de setembro.

Vale lembrar que o presidente Renato Almeida estendeu até quinta-feira, 1 de setembro, o prazo para a inscrição de novas parcerias interessadas.

O carnavalesco Fábio Ricardo desenvolve para 2012 o enredo "Uma aventura musical na Sapucaí".


Confira a ordem de apresentação das parcerias:


1º - Samba 06 - CÉSAR RICARDO, GILSON MENDONÇA, JANAÍNA PORTA BANDEIRA, CRISTIANO HENRIQUE E JOSÉ CAETANO.

2º - Samba 12 - RICARDO GÓES, RONALDINHO, SERGINHO MACHADO, FM, MARCOS ANTUNES, GREY, GUGUINHA E FLAVINHO SEGAL.

3º - Samba 10 - YURE ROMÃO, ANDRÉ DUARTE, LAILA ROMÃO, RODRIGO MOREIRA E RICARDO ROMÃO.

4º - Samba 13 - EDU DA CUÍCA, HENRIQUE, J.JOHARA, NELSINHO PEREIRA E ROBERTO SERRÃO.

5º - Samba 05 - VICTOR ALVES, NELSON AMATUZZI, FÁBIO PORTUGAL, AMILTON FOX, SI E ROGÊ.

6º - Samba 14 - HELINHO 107, ALCEU MAIA E CLÁUDIO FILÉ.

7º - Samba 03 - DHA SILLVA, PAULO DA PONTE, KAKA E CARLINHOS BOMBOM.

8º - Samba 01 - BERNARD ZEITUNE, BRUNO NOVAES, RODRIGO HABIB, WINTEER JÚNIOR, LAERP JÚNIOR E RODOLFO BUSTAMANTE.

9º - Samba 11 - RODRIGO ÍNDIO, ALEXANDRE ARAÚJO, FÁBIO ROSSI, ARMANDO DALTRO, MARCELO FAGUNDES, BRUNO HOLFINGER, EDMAR JR. E ALEX DE OLIVEIRA.

10º - Samba 08 - FLAVINHO, GILMAR 34, GILSON, MAGUINHO SOUZA, SALAME E J.CARLOS.

11º - Samba 07 - LUIZ CARLOS RIBEIRO, MAQUINHO GRAVINO, ALEX JOUBER E VICTOR HUGO LIMA.

12º - Samba 02 - MARCO MACIEL, SELMA BOIAGO E MARCELO SOUZA.

13º - Samba 04 - KATHIOLA, EXPEDITO E LUCIANO BOMBA.

14º - Samba 09 - EUGÊNIO LEAL, ARMANDINHO DO CAVACO, CARLINHOS DA PENHA, RODRIGO MAIA, LUIZ IAPTEC, JJ.SANTOS  E FADICO.

15º - Samba 15 - JORGE AZEVEDO, FLÁVIO OLIVEIRA E TONINHO ANDRADE.

Porto da Pedra lança portal na internet



Com uma nova estratégia de comunicação na internet, a Porto da Pedra disponibiliza em seu novo portal ferramentas que promovem um relacionamento mais intenso com os internautas.
Ampliando as possibilidades de informação do site anterior, a escola pretende resgatar histórias de antigos Carnavais com o canal Histórias do Tigre, que será desenvolvido pelos leitores.


Além de um shopping virtual, outra iniciativa dos dirigentes é a divulgação de conteúdos referentes aos bastidores do próximo desfile. A partir de setembro, os internautas poderão acompanhar diariamente imagens do barracão, da construção das alegorias e declarações dos artistas envolvidos e diretores.

Segundo o presidente da vermelha e branca, Francisco Marins, o portal faz parte de uma série de ações desenvolvidas pela agremiação para fortalecer a imagem da escola.
"O Tigre está cada vez mais profissional. Foram criados dezenas de canais pensando na interatividade e na velocidade da informação. Nossa nova casa virtual faz parte de uma séries de ações que estamos organizando para deixar a imagem da agremiação cada vez mais forte", ressalta.

Confira as novidades da Porto da Pedra no seguinte endereço eletrônico: www.unidosdoportodapedra.com.br

Cubango apresenta Dani Sperle como rainha de bateria


Na noite da última terça-feira, a modelo Dani Sperle foi apresentada oficialmente à comunidade da Cubango como rainha de bateria da agremiação.
Destaque entre as musas da Passarela, a morena demonstrou entusiasmo mesmo antes de sua coroação, marcada para o dia 18 de novembro.

"Estou muito feliz com a oportunidade que a Cubango está me dando. Vou fazer o meu melhor na Avenida para honrar essa comunidade e a escola", exalta.

Hilton Castro reassume direção teatral na Beija-Flor



Destaque do Carnaval ao dirigir encenações que provocaram polêmicas e muitos aplausos na Avenida, o ator Hilton Castro reassumiu a direção teatral da Beija-Flor de Nilópolis após um ano de pausa nos trabalhos junto à escola.

Desde 2003 na agremiação, Hilton afirma que chegou a ser sondado por outras escolas no tempo em que decidiu descansar mas, em conversa com o diretor de Carnaval Laíla, que o trouxe para a Beija-Flor, viu que era hora de retornar ao posto. "Entrei no Carnaval através da Beija-Flor e acho que meu lugar é na azul e branco", enfatiza.

O ator tem uma vasta bagagem de cenas que ajudou a eternizar na Avenida. Entre elas, a mais recente foi em 2005, com a encenação de Jesus Cristo sendo chicoteado pelos soldados de Herodes ao lado de Maria Madalena, ato que iniciava o enredo campeão sobre as missões dos jesuítas no Rio Grande do Sul.


Sobre o campeonato da Beija-Flor este ano, Hilton comenta que o desfile foi um momento marcante, já que não esteve presente na apresentação.

"Foi marcante pela falta que eu senti. Depois de muitos anos, decidi passar o Carnaval fora do Rio. Claro que na hora do desfile fiquei em frente à TV, ligado em tudo que acontecia. Lamentei muito não ter participado. Chorei na hora do desfile e, depois, no dia do resultado. Paguei um preço caro pela minha decisão", reconhece.

Porém, as férias do Carnaval foram proveitosas para o ator, que se dedicou ao cinema, à TV e à publicidade. Entre seus  personagens marcantes está o garçom do comercial da Antarctica, no qual contracenava com Ronaldo Fenômeno. Hilton também pode ser visto no "Zorra Total", como o cangaceiro do Trem Zorra Brasil, e estará nos próximos episódios de "Tapas & Beijos", humorístico semanal da TV Globo, como um camelô.

Em sua volta à Beija-Flor, Hilton destaca um motivo especial que o deixa bastante estimulado. "Sou maranhense de São Luís e não podia ficar fora da homenagem à minha cidade no espetáculo que a escola está preparando pro ano que vem", comemora.

'Nosso lema é muito trabalho e pouca fala', diz Alex Fab



Foto: DivulgaçãoUma das escolas mais tradicionais do Carnaval carioca, com o maior número de títulos, compositores renomados e responsável por inovações como a introdução do apito na bateria, além da caixa-surda e reco-reco, a Portela, tem em 2012 um grande desafio. A Majestade do Samba voltará a ser pontuada pelos jurados, após o incidente no Carnaval de 2011, e trabalhará forte para apresentar um grande espetáculo na Marquês de Sapucaí, trazendo de volta os bons tempos da agremiação, como garantiu ao SRZD-Carnaval, Alex Fab, diretor de Carnaval da azul e branca de Oswaldo Cruz e Madureira.

"A Portela tem muito o que fazer, e pouco a falar. A responsabilidade da escola não é maior ou menor a cada ano, tratando-se de Portela, é sempre uma grande responsabilidade. Nossa equipe é coesa, e, estamos trabalhando para
construir um grande Carnaval", afirmou.

"Este ano estamos precisando de mais planejamento, mais união e até mesmo mais atenção", completou Alex, referindo-se à difuculdade de produzir um Carnaval, sem o barracão na Cidade do Samba.

No último sábado, 27 de agosto, a agremiação promoveu a primeira apresentação das composições participantes do concurso de samba-enredo, para o Carnaval de 2012. Alex afirmou que a safra de sambas está excelente.

"Estamos muito satisfeitos. A diretoria terá um grande desafio ao ter que escolher a melhor obra, entre tantas composições de qualidade", disse.

Foto: Divulgação"Contamos com a consolidação de compositores renomados, tivemos gratas surpresas vindas dos compositores jovens, além de belas obras dos novos compositores, após a abertura da ala para pessoas de fora. Fomos brindados
com sambas de alto nível", comentou.

O diretor falou ainda, sobre a temática escolhida pelo presidente Nilo Figueiredo para o próximo desfile da azul e branca. O carnavalesco Paulo Menezes desenvolve o enredo "E o povo na rua cantando. É feito uma reza, um ritual".

"Este enredo foi um gol de placa do nosso presidente, não podemos tirar o mérito dele", brincou.

"E todos os compositores estão de parabéns. Eles entenderam a proposta do Carnaval da Portela e entenderam o que o carnavalesco idealizou como desenvolvimento deste enredo", completou.

Alex Fab ressaltou a importância da explanação do tema, já que a cantora Clara Nunes, ainda muito presente na vida dos portelenses, será o fio-condutor do enredo.

"Este enredo foi muito discutido nos 4 encontros que tivemos com os compositores. Diferente do que algumas pessoas acreditam, é preciso entender, que a Clara Nunes não é o nosso enredo. Nosso enredo são as festas da Bahia, a alegria e o sincretismo de lá", informou.

"A Clara Nunes é a pessoa, a "energia" que apresentará a Bahia aos portelenses. Sabendo que ela ainda é muito viva na alma e no coração dos portelenses, tivemos a preocupação e o cuidado de repetir isto várias vezes", explicou Alex, lembrando a cantora que mais cantou a Bahia durante toda a sua carreira.

O diretor portelense concluiu.

"Este enredo tem uma energia muito grande. Durante todo seu desenvolvimento, no dia-dia, ao tratar uma idéia, volta e meia nos pegamos emocionados. Com certeza o desfile da Portela vai vir para surpreender e emocionar", confessou.

Antônio Carlos: 'Nunca pensei que poderia ser escolhido para ser enredo'



Foto: Reprodução de InternetOs ouvintes acostumados a amanhecer embalados pela voz do radialista Antônio Carlos, da "Rádio Globo", vão poder conhecer um pouco mais de sua história durante o desfile da Acadêmicos da Santa Cruz no Carnaval 2012. A escola vai levar para a avenida o enredo "Nas ondas do rádio... 'Acorda Brasil para escutar! O show do Antônio Carlos está no ar'".

Em conversa com o SRZD-Carnaval, o radialista disse que, embora pense que não mereça tamanha homenagem, se sente muito realizado com o momento.

"É muito honroso. É uma coisa fantástica. Nunca pensei que poderia ser escolhido para ser enredo. No início eu não queria aceitar porque achava que não merecia, eu achei que era exagerado, mas meus amigos me incentivaram a aceitar", disse.

A escola vai abordar os 90 anos do rádio, até chegar no grande homenageado, que vai completar 35 anos de história na "Rádio Globo", em março de 2012.

"Falar do rádio é muito importante. A televisão no Brasil surgiu do rádio. Os apresentadores do rádio é que foram para a TV. Eu sou fundador da 'TV Globo', que só deu certo a partir da Dercy Gonçalves, porque antes não tinha ibope. Era Foto: Divulgaçãotudo copiado da TV americana", disse.

Além de fazer uma viagem sobre os anos de existência do rádio e falar sobre o respeitado radialista Antônio Carlos, a Acadêmicos de Santa Cruz também vai mostrar a relevância da imprensa, que segundo o presidente da agremiação, Zezo, "realiza um importante trabalho". O enredo está sendo desenvolvido pelo carnavalesco Lane Santana e por Chico Spinosa.

Paulinho Mocidade comemora 20 anos do samba 'Sonhar não Custa Nada, ou Quase Nada'

O ano de 1992 será lembrado para sempre com orgulho pelos torcedores da Mocidade Independente de Padre Miguel. A escola apresentava o enredo “Sonhar não Custa Nada, ou Quase Nada”, de autoria do carnavalesco Renato Lage. Prestes a completar 20 anos em 2012, o samba foi composto um semestre antes de ir para Marquês de Sapucaí. E desta forma começam os preparativos de uma grande comemoração. O pontapé inicial será no próximo sábado, dia 3 de setembro, às 22h, no Rio Scenarium. O sambista Paulinho Mocidade, autor da obra, ao lado dos compositores Dico da Viola e Moleque Silveira, se apresenta para mais um show na casa que está entre as 10 melhores do mundo, de acordo com britânico The Guardian.

Eleito o melhor samba de todos os tempos, por voto popular, no programa "Domingão do Faustão", da TV Globo, - superando até mesmo “Aquarela Brasileira”, de Silas de Oliveira -, a obra foi regravada por nomes como Emílio Santiago, Dudu Nobre e está no repertório da cantora Roberta Sá e do grupo Monobloco. “Sonhar” caiu na graça da torcida brasileira e da equipe de vôlei masculino, medalha de ouro, nos Jogos Olímpicos de Barcelona - 1992, que cantavam o samba a cada vitória, fazendo alusão ao sonho da medalha olímpica.

O Grand Finale da noite de sábado ficará por conta do medley de sambas-enredo de sucesso, onde o hino da Mocidade de 1992 fará o encerramento do espetáculo. Ainda no repertório do show, dividido em dois sets, de 1h15m, clássicos de Noel Rosa, Paulo César Pinheiro, Wilson das Neves, João Nogueira, Dona Ivone Lara, Nelson Cavaquinho, Guilherme de Brito, Cartola, Paulo César Feital, Monarco, Sinhô, Monsueto, Tom Jobim, Vinícius de Moraes, Chico Buarque, entre muitos outros. Versátil, o artista inova em uma banda com naipe de sopros e apresenta repertório dançante de nomes como Djavan, Jorge Ben Jor e Bebeto.

Serviço:
Paulinho Mocidade –  “Sonhar não Custa Nada - 20 anos"
Data: sábado, 3 de setembro
Hora: 22h
Local: Rio Scenarium – Rua do Lavradio, 20 – Centro Antigo
Informações e reservas: 3147-9005

Escolas do Grupo Especial apostam em homenagens a grandes brasileiros



Das 13 escolas do Grupo Especial, quatro farão enredos dedicados a personalidades em 2012. Os dirigentes das respectivas agremiações afirmaram ao a imprensa que as escolhas não tem relação com o fato da Beija-Flor ter vencido o último Carnaval com uma homenagem ao cantor Roberto Carlos. A seguir, eles discorrem sobre as motivações que os levaram a eleger tais ícones para ilustrar os desfiles.
No caso da Imperatriz Leopoldinense, o diretor de Carnaval Wagner Araújo afirma que a escola considerou a facilidade de carnavalizar o cotidiano do escritor Jorge Amado como fator de escolha do enredo. "A vida dele é extremamente carnavalesca. Ele falava do povo, havia muita cor e aspectos regionalistas nas suas descrições literárias e, acima de tudo, ele é uma figura nacional e internacional", defende.
Para o dirigente, esta inciativa da Imperatriz visa resgatar os antigos carnavais, que homenageavam personalidades do país, ao mesmo tempo em que ensinavam aspectos importantes do Brasil ao grande público.
"Os enredos nacionais têm mais facilidade de identificação com o componente, pois trazem elementos com os quais a população convive de forma próxima", destaca.
Segundo Fernando Horta, presidente da Unidos da Tijuca, o desejo de trazer o saudoso Luiz Gonzaga para a Avenida não é recente. "Já tínhamos essa ideia desde o ano passado e aproveitamos a oportunidade em que ele faria 100 anos se estivesse vivo", revela.
Sobre a natureza do enredo, Horta afirma que não será uma narrativa biográfica e que, desde o início do trabalho de concepção do Carnaval, a ordem era fugir do lugar comum.
"Não vamos falar apenas da vida do Luiz Gonzaga. A direção do nosso enredo é falar da riqueza do povo pernambucano, utilizando a figura dele como fio condutor da história", conta.
Convencido pelo carnavalesco Alexandre Louzada, o presidente da Mocidade Independente, Paulo Vianna, apostou com firmeza no enredo sobre a obra do pintor Cândido Portinari.
"A demonstração do desejo dele me motivou. Havia momentos em que o Louzada se emocionava muito ao falar do Portinari e o quanto a história deste importante artista poderia render o campeonato à escola", ressalta.
Paulo Vianna cita como elemento de identificação do enredo com os componentes a determinação.
"O fato do Portinari ser um exemplo de brasileiro que se consagrou com sua arte fez os torcedores abraçarem o enredo. Mesmo antes de escolhermos, eu via nas redes sociais que as pessoas demonstravam a preferência pela ideia da Mocidade celebrar este pintor", explica com entusiasmo.
A partir do interesse do próprio homenageado em ter sua vida transformada em Carnaval pela Renascer de Jacarepaguá, o presidente Salomão logo enviou dirigentes aos Estados Unidos para conversar com o artista plástico Romero Britto.
Além de colorir a Passarela com as referências à obra do pernambucano, Salomão pretende manter os traços de seu novo parceiro na escola.
"Nossa relação não é comercial, é cultural. Eu já disse ao Romero que pretendo fazer história na Renascer e quero que ele faça parte dessa trajetória e participe da escola nos próximos carnavais", evidencia Salomão, que aponta a empatia imediata entre o artista e a comunidade como componente de sucesso para a estreia da agremiação no Grupo Especial.

ALA DE PASSISTAS - AVISO IMPORTANTE‏

ESTÃO ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA ALA DE PASSISTAs DA MANGUEIRA, MASCULINO E FEMININO, PARA CARNAVAL 2012.

IDADE MÍNIMA: 16 ANOS

PRÉ - REQUESITOS: SER MANGUEIRENSE, SIMPATIA & SAMBA NO PÉ.

INTERESSADOS PODERÃO FAZER INSCRIÇÕES NA QUADRA DA ESCOLA DAS 15HS À 18HS, COM O JORGE LUIZ NA SECRETÁRIA OU PELO E-MAIL: MANGUEIRA2012@GMAIL.COM

AS INSCRIÇÕES IRÃO ATÉ DIA 21 DE SETEMBRO AS 18HS.


JEFERSON CARLOS

Diretor de Carnaval

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Junior Schall é o novo diretor de Carnaval da Dragões


Foto - DivulgaçãoA escola de samba Dragões da Real anunciou uma importante contratação para Carnaval 2012. A diretoria da agremiação estreante do grupo especial paulistano
confirmou a contratação de Junior Schall para o cargo de diretor de Carnaval.
Com passagens bem sucedidas por escolas de samba como Salgueiro, Porto da Pedra, União da Ilha, Viradouro e Unidos de Vila Isabel, onde se consagrou campeão em 2006, Schall completou 16 anos de dedicação e paixão ao Carnaval do Rio.
Ao lado de Rosa Magalhães, Alexandre Louzada e outros carnavalescos que nos últimos anos revolucionaram os desfiles carnavalescos cidade maravilhosa, Junior Schall fará o seu primeiro trabalho na terra da garôa.
Com convites de várias agremiações, Schall chegou a um acordo com a Dragões.
"Aceitei o convite  devido a proposta e metodologia de trabalho apresentada pela diretoria. A organização da entidade, as metas estabelecidas e os fundamentos necessários para que se faça um grande Carnaval, refletem exatamente o que eu penso, e assim, tudo ficou mais fácil para chegarmos a um acordo".
O primeiro contato de Schall com a comunidade da Dragões foi na festa de 25 anos da Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, realizada no dia 19 de agosto no Anhembi.
Durante a apresentação da escola, o novo diretor de Carnaval conheceu de perto uma comunidade calorosa e apaixonada pela entidade.
"Pra se ganhar um Carnaval precisa-se de muito trabalho, técnica, organização e recursos, mas não se ganha nada se não houver paixão e emoção. E estes fatores eu percebi no semblante de cada componente  que cantava o hino da escola. Foi Lindo!"
Junior Schall acrescentou que foi muito bem recebido pela diretoria e que está muito feliz por fazer parte da família Dragões da Real. Trabalho, dedicação e empenho não faltarão em seu trabalho rumo ao Carnaval de 2012 da escola.

Confira o resultado das partidas do festival de 25 anos da Liga



Foto - Raul Machado - SRZDFechando os festejos de comemoração de 25 anos, a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, promoveu no último final de semana, torneio de futebol entre as agremiações co-irmãs do grupo especial e acesso.
As partidas envolvendo as entidades carnavalescas, aconteceram no campo do Unidos da Vila Carioca, junto da quadra da escola de samba Imperador do Ipiranga, localizada na Avenida Carioca, 99 na Vila Carioca.
O evento foi mais um importante momento de confraternização e união do samba paulistano. O espírito esportivo das equipes e o clima festivo do evento, foram os destaques principais do festival.
Confira o resultado das partidas:
Resultado dos jogos - Sábado
01 - Gaviões da Fiel  1  x  1   Nenê de Vila Matilde  

02 - São Lucas  4  x  0   Acadêmicos do Tatuapé

03 - Unidos do Peruche  0  x  3   Pérola Negra

04 - Leandro de Itaquera 0  x   1  X-9 Paulistana (Vencedora por W.O.)

05 - Vai- Vai  1  x   1  Unidos de Vila Maria

Resultado dos jogos - Domingo
01 -  LIGA  1   x   2  Rosas de Ouro 

02 -  Mocidade Alegre   3   x   1  Imperador do Ipirannga

03 -  Morro da Casa Verde  2   x   0  Dragões da Real

04 -  Águia de Ouro   2   x   1  Tom Maior

05 -  Camisa Verde   1   x   1  Império da Casa Verde

Concorra a ingressos para ver Beija-Flor e Pérola Negra na Tom Maior



Foto - DivulgaçãoO SRZD-Carnaval/SP, em parceria com a escola de samba Tom Maior, lança promoção que irá sortear um par de ingressos para a semi-final do concurso que irá eleger o samba-enredo para o Carnaval de 2012.
Além da apresentação dos sambas concorrentes, o evento vai contar com a participação especial de duas grandes escolas do Carnaval Brasileiro.
No próximo, 3 de setembro, à partir das 21 horas, a vermelho e amarelo do Sumaré recebe em sua quadra a "jóia rara" do samba, Pérola Negra e a atual campeã do Carnaval carioca, a tradicional Beija-Flor.
Para concorrer aos de ingressos, basta deixar no espaço de comentários desta notícia, uma frase criativa envolvendo o tema da Tom para o próximo Carnaval:
"Paz na Terra e aos Homens de Boa Vontade".
A promoção será encerrada na manhã desta sexta-feira, dia 2 de setembro, quando o resultado será divulgado aqui, no SRZD-Carnaval/SP.
 
Participe

Carnavalesco da Peruche pede mudança nos sambas concorrentes



Foto - Caio Pimenta - Carnaval 2009A tradicional escola de samba Unidos do Peruche, realizará mudanças em seu concurso para eleição do samba-enredo para o próximo Carnaval.
Visando qualificar os oito sambas concorrentes, a direção de Carnaval e o carnavalesco Amarildo de Mello, convocaram uma reunião extraordinária com os autores das obras inscritas.
Para o carnavalesco, o encontro é estratégico. Em entrevista ao SRZD-Carnaval/SP, Amarildo afirma que o momento é o mais adequado para a realização de ajustes e alterações.
"Nós estamos preparando um grande Carnaval e o desfile pede um grande samba. O encontro vai servir para discutir algumas idéias importantes do nosso enredo e dar uma abertura aos autores para realizarem adaptações que certamente poderão qualificar os sambas concorrentes."
A reunião ocorrerá na noite desta terça-feira, 30 de agosto, na quadra da escola. Os representantes dos sambas concorrentes participação do encontro.
As eliminatórias acontecem todas as sextas-feiras, a partir das 21 horas.
Em 2012, a Unidos do Peruche será a terceira a desfilar no Anhembi pelo grupo de acesso do Carnaval de São Paulo.
A escola buscará o retorno ao grupo especial com o enredo " Vamos fugir do juízo final, ainda há tempo. Vamos ter juízo afinal."

Ouça os sambas concorrentes da São Clemente para o Carnaval 2012

* Parceria de César Ricardo, Gilson Mendonça, Janaina porta bandeira, Cristiano Henrique e José Caetano
* Parceria de Rodrigo Índio, Alexandre Araújo, Fabio Rossi, Armando Daltro, Marcelo Fagundes, Bruno Holfinger e Alex de Oliveira

Com pandeiro ou sem pandeiro



Foto: Maria Braga ProduçõesNa sexta-feira passada fui ao Rival assistir a um espetáculo imperdível de dedicação filial e desprendimento, raros hoje em dia. Não por acaso era um show de samba. O sambista homenageado teria completado cem anos em fevereiro último e, se quase não se ouviu falar disso, não foi por falta de empenho de sua filha.

Cristina é filha de Pedro Caetano, autor, entre tantos outros sucessos, do samba "É com esse que eu vou", que deu título ao bem-sucedido espetáculo de Rosa Maria Araújo e Sérgio Cabral, a mesma dupla que
assinou o inesquecível Sassaricando. E como entre os leitores pode haver alguém tão novo que não se lembra de outro gênero de música de carnaval que não seja samba-enredo, convém lembrar que até a década de 1950, início dos 60, havia música feita especialmente para o carnaval: eram marchinhas e sambas que se destinavam a animar os bailes e até mesmo o carnaval de rua. E alguns compositores foram grandes especialistas nesse gênero. Podemos mencionar, por exemplo, Lamartine Babo e Braguinha, que por terem sido enredo de escolas de samba são mais familiares aos ouvidos dos aficcionados por carnaval.

Pedro Caetano é autor de inúmeros sambas de carnaval e também de músicas gravadas durante o ano, como choros e sambas mais lentos. Suas letras são antológicas, às vezes poéticas, às vezes maliciosas e brejeiras, mas sempre muito inteligentes. E as melodias, a maioria do parceiro constante Claudionor Cruz, são muito inspiradas.

Para comemorar condignamente seu centenário a filha Cristina bateu desde o ano passado em inúmeras portas e acumulou negativas. Ela não vive da obra do pai: é uma profissional de valor, capaz de prover sem dificuldade seu sustento. Portanto, não era dinheiro a questão. O que queria era o reconhecimento de um compositor importante, mas esquecido. Seu depoimento em DVD antes do início do show é comovente e muito sério, pois revela que encontrou apoio não das instituições a que recorreu, mas sim de músicos e cantores que se prontificaram a juntar-se a ela na homenagem, deixando claro e patente que quem quer fazer cultura no Brasil tem de arregaçar as mangas e ir à luta.

A causa nobre poderia fazer supor um espetáculo mambembe a que se assiste só por solidariedade. Não foi nada disso: foram momentos de encantamento, de saudade, de pura alegria que a boa música proporciona. A veterana Cristina Buarque, cuja voz se associa prazerosamente ao samba, já que foi uma das primeiras intérpretes a darem lugar ao samba em seu repertório, dividia o palco com a novata Mariana Baltar, que além de cantar bem tem uma presença graciosa e marcante no palco. E ambas se curvavam diante da carismática interpretação de Marcos Sacramento, um dos melhores cantores de samba da atualidade.

Sucessos como "O que se leva desta vida", Sandália de prata", "Botões de laranjeira", "Eu brinco", "Onde estão os tamborins", "É com esse que eu vou" e outros tiveram inúmeras gravações na voz de grandes intérpretes de ontem e de hoje, mas ouvi-las ali ao vivo, cantadas também pelo público que lotou o teatro, foi uma experiência muito rica.

Foto: DivulgaçãoGraças ao esforço dessa filha devotada, Pedro Caetano teve dois dias de glória no Teatro Rival, no ano do seu centenário. É pouco e é muito, num país em que não há preocupação em preservar e celebrar o passado. A lição que fica é o exemplo desses músicos profissionais que não se tornam insensíveis ao que é bom e acham em suas carreiras um instante de amadorismo para fazer justiça ao que tem valor.

A bandeira da Vila Isabel



Foto: Reprodução de InternetO Grêmio Recreativo Escola de Samba Unidos de Vila Isabel, foi fundado no dia 04 de abril de 1946, por Antonio Fernandes da Silveira (popularmente conhecido como "Seu" China), que foi o primeiro presidente e o idealizador da Bandeira da Agremiação.

As cores do Pavilhão do GRESUVI são azul e branco. O emblema é representado por uma Coroa, um Brasão e Estrelas:

a) A Coroa simboliza a realeza na figura da Princesa Isabel, que dá o nome ao bairro de Vila Isabel;

b) O Brasão é a representação figurada do bairro, onde se observam elementos de musicalidade e de poesia, traços marcantes do bairro: a clave de sol, o pandeiro e a pena;

c) As Estrelas representam os campeonatos conquistados.

A cada vitória nos desfiles oficiais de Carnaval, será acrescida uma nova estrela no Pavilhão do GRESUVI.


Fonte:
Histórico do Grêmio Recreativo Escola de Samba Unidos de Vila Isabel
Colaboração: Elizabeth Aquino (Vice-Presidente Executivo)

Portela realiza eliminatória de sambas nesta quarta



Cada vez mais próxima de eleger o samba oficial para simbolizar o enredo "... E o povo na rua cantando. É feito uma reza, um ritual", a Portela realiza mais uma eliminatória nesta quarta.
A partir das 21h, oito composições da chave azul serão apresentadas no River Futebol Clube, em Piedade, devido às obras de reforma na quadra da escola, que fica na rua Clara Nunes, em Oswaldo Cruz
Confira as informações sobre a disputa:
Data: Quarta, 31/08/2011.
Horário: 21h
Ingresso: R$ 5,00
Endereço: Rua João Pinheiro, 426 - Piedade
Informações: 2489-6440

'Os mangueirenses são muito intensos', diz Marcella Alves



Foto: Luana Freitas - SRZDPrestes a ensaiar seu novo bailado, a premiada porta-bandeira Marcella Alves apresentou ao SRZD-Carnaval os primeiros passos rumo à próxima tarefa de defender o pavilhão da Estação Primeira de Mangueira. Junto com o mestre-sala Raphael Rodrigues, ela comemora o retorno de Beth Alexandre, dançarina que os ajuda na preparação corporal.

Única porta-bandeira a conquistar a nota máxima em 2011, Marcella não se ilude com os números. "Ninguém é 10, a gente está 10", frisa citando o seu parceiro. Ciente das possíveis oscilações de desempenho que possam vir a alterar o planejamento de sua performance perante os jurados, a porta-bandeira aposta no autoconhecimento para se superar constantemente na Avenida.

"Eu costumo me comparar comigo mesma. O Raphael e eu assistimos aos nossos vídeos dos anos anteriores para perceber o que a gente pode melhorar", revela. Enfática ao eleger 2011 como o ano mais feliz de sua vida, Marcella atribue parte dessa emoção ao sentimento de dever cumprido após a apresentação no último Carnaval.

Inspirada na cartilha mangueirense, a porta-bandeira reconhece os sábios ensinamentos de um baluarte.

"Recebi conselhos maravilhosos do Seu Delegado. Ao resgatar a história do casal de mestre-sala e porta-bandeira, vi que às vezes me prendia a muitos detalhes técnicos e deixava o pavilhão de lado. Porém, nós não existimos sem o pavilhão", conclui.

Nascida no Lins de Vasconcellos, Marcella desde cedo se acostumou às cores verde e rosa, devido ao pavilhão da escola do bairro, a Lins Imperial. Defender as mesmas tonalidades no Grupo Especial demanda mais responsabilidade, segundo a porta-bandeira. "Os mangueirenses são muito intensos. Eles não querem saber de onde você vem, quem é você ou como você se veste. Eles querem que você defenda a escola com um trabalho constante", relata.
Foto: Luana Freitas - SRZD

Sobre as cores de sua nova fantasia, Marcella afirmou que irá se reunir com o carnavalesco Cid Carvalho na semana que vem para falar do figurino. Ela não dá pistas sobre o significado da indumentária, mas abre um sorriso ao lembrar de um pedido. "Eu falei para o Cid: 'Eu queria tanto vir de índia!' Mas ele foi logo dizendo: 'Tudo menos índia, porque vai ser muito óbvio'", diverte-se.

Extramamente agradecida pelo reconhecimento da imprensa carnavalesca ao seu trabalho este ano, Marcella, por compromissos de trabalho, não pode comparecer há algumas cerimônias de premiação. Porém, ela demonstra a alegria de segurar um troféu com a mesma leveza com a qual se movimenta sob o asfalto da Passarela do Samba.

SRZD-Carnaval sorteia camisa da Mocidade!



Foto: SRZDO SRZD-Carnaval está sorteando uma camisa da Mocidade Independente de Padre Miguel.
Para concorrer, basta deixar uma frase criativa que demonstre seu amor pela verde e branca e a expectativa para a performance da escola no Carnaval 2012.

A promoção será encerrada na manhã da próxima sexta-feira, dia 2 de setembro. .

Vale lembrar que o prêmio tem de ser retirado na redação do SRZD, após confirmação de dados. As instruções serão enviadas por e-mail ao vencedor.

Participe!

Junior Schall elogia a consistência do trabalho da Vila Isabel



Concentrado no trabalho de retratar a nação angolana da maneira mais fiel na Marquês de Sapucaí, Junior Schall, membro da comissão de Carnaval da Vila Isabel, afirmou ao SRZD-Carnaval que mergulhou no enredo junto com o historiador Alex Varella e a carnavalesca Rosa Magalhães.
Após voltar para a escola no ano passado, Schall demonstra firmeza no propósito de querer a melhor ilustração visual e musical para o desfile que irá homenagear o país africano.
Elo entre Brasil e Angola, o cantor e compositor Martinho da Vila teve sua importância ressaltada por Schall. "Ele é o nosso mentor. Estamos falando de uma nação onde ele é um ícone e, por isso, queremos que os angolanos se reconheçam na Avenida. Temos também a obrigação de passar informações relevantes a milhões de pessoas que estarão assistindo ao desfile da Vila Isabel", defende.
Sobre a fundamentação do enredo, Schall aponta o trabalho intenso de Rosa Magalhães e Alex Varella para conceber a narrativa.
"Eles fizeram uma pesquisa exaustiva. Prova disso é que muitos sambas-enredo alcançaram o que era pedido na sinopse. O que se comenta na Vila é que temos a melhor safra dos últimos anos, o que demonstra também a consistência do trabalho dos compositores", expressa.
Fator visto como estratégico para a Vila Isabel, a posição no desfile oficial já demanda planejamento da comissão de Carnaval.
A preocupação com as cores a serem utilizadas, os materiais que melhor se adequem a um possível dia claro e um samba capaz de manter o público empolgado é iminente.
"Além desses detalhes, um dos nossos diferenciais será a conscientização dos componentes sobre o nível do desfile que pretendemos fazer", destaca.
Em relação às comparações com o enredo campeão "Kizoma - Festa da Raça", de 1988, também com uma temática afro, Schall é objetivo ao comentar a coincidência. "Não queremos reeditar Kizomba. Vamos fazer Angola produzindo originalmente uma obra nova.", ressalta.
Ciente de que é preciso apresentar o país ao mundo com profundidade por meio do Carnaval, Schall sabe a capacidade que o tempo possui para tornar um desfile memorável. "Escola de samba que se preze não pode usar seus 82 minutos de desfile para mostrar qualquer coisa", finaliza.

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Andrea de Andrade ensaia coreografia com passistas da Mocidade


Foto: DivulgaçãoA rainha de bateria da Mocidade, Andrea de Andrade, ensaiou uma coreografia com os passistas da agremiação de Padre Miguel, no último sábado, 27 de agosto, na quadra da verde e branca.
Andrea foi carregada pelos sambistas, e em seguida, foi sambar ao som da bateria Não Existe Mais Quente comandada por Andrézinho, Odilon, Dudu e Bereco. Alexandre Louzada, que desenvolve o enredo "Por ti, Portinari, Rompendo a Tela, a Realidade, recebeu uma homenagem na mesma noite. Componentes da escola vestiam camisetas com uma caricatura do carnavalesco.
Confira fotos do ensaio:
Foto: Divulgação
 Foto: Divulgação
 Foto: Divulgação
 Foto: Divulgação

Presidente da Caprichosos elege transparência como lema de sua administração



Mesmo com a reforma da quadra estabelecida pela Prefeitura do Rio, o presidente da Caprichosos de Pilares, César Thadeu, está consciente de que é preciso renovar a escola em todos os sentidos.
Confiante na trajetória que está construindo junto com seus dirigentes e o apoio da comunidade, César pretende "passar um pano no passado". Para o tempo presente, ele afirmou ao SRZD-Carnaval que a
motivação principal é resgatar os belos da escola.
Beleza mesmo é presenciar o retorno de componentes que estavam afastados da agremiação. A justificativa para este memorável presente reside na previsão destes antigos foliões sobre o que há por vir no
próximo Carnaval. "Vou me desdobrar, mas vou trazer a Caprichosos para brigar pelo título. Pode anotar isso que assino em baixo", decreta o presidente.
Tal compromisso se tornou ainda mais firme após a emoção que a sinopse do enredo incitou aos torcedores, inclusive aos poetas da escola de Pilares. "Teve compositores que chegaram a chorar durante a
leitura da sinopse", frisa César, que prepara um desfile tocante em relação à principal característica da Caprichosos: a irreverência.
O presidente não faz rodeios em relação à situação financeira da escola. "A Caprichosos está com uma dificuldade muito grande. Eu não esperava encontrar uma situação assim no momento em que entrei", revela. Porém, cifras de outra natureza começam a conquistar o espaço da quadra da escola.
"Estamos investindo em eventos, como as feijoadas e os shows. Tivemos sucesso ao trazer os grupos Sorriso Maroto e o Raça Negra. Contamos ainda com a participação do Revelação e do cantor Belo, que trazem um bom público à nossa quadra", ressalta César.
O presidente também aposta na iniciativa de empresários que, segundo ele, estão acreditando na sua gestão e irão contribuir para a confecção de
fantasias de alas da comunidade por meio do esquema de apadrinhamento.
Afilhada da Portela, a Caprichosos atualmente cede seu espaço para a disputa de sambas da escola de Oswaldo Cruz. Fiel ao enredo "A Caprichosos faz o seu papel... levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima", a agremiação está compondo junto com sua madrinha um novo significado para o manto azul e branco.

Mocidade elege os primeiros sambas para a próxima eliminatória



Em uma noite de bastante expectativa, a Mocidade Independente de Padre Miguel apresentou sua aquarela de sambas concorrentes para ilustrar o enredo sobre o pintor Cândido Portinari. A disputa ocorrida no último sábado terminou por volta das 2h, com a apresentação da obra dos bicampeões Zé Glória e J. Giovanni, desta vez em parceria com Rafael Xavier.
Dos dezenove sambas-enredo inscritos, 10 foram classificados para a próxima fase. No próximo sábado, 3 de setembro, mais 18 composições que integram a chave B serão apresentadas. Nesta rodada, a comissão julgadora irá eliminar oito obras.
Confira os sambas classificados da chave A:

Samba n° 08 - SEU DILSON, PEIXOTO, MARRON & DIDAM
Samba n° 09 - TÂNIO MENDONZA, TRIVELA, HUGO REIS, ALEX ALVES, VAGNER ALVES & ANTONIO LOPES
Samba n° 26 - DOMENIL, DR. ANIBAL, ROGÉRIO MARTINS, GULE, LECO DA ALERJ & MOLEQUE SILVEIRA
Samba n° 35 - IURI ABS, SAULINHO, JUNIOR GRAÇA, GABRIEL AZEVEDO & KARBURA
Samba n° 34 - MIGUELZINHO PQD, ALLEXANDRE VALLE, CRISTIANO, VANDER MOCIDADE, DUDU & ALEXANDRE CABEÇA
Samba n° 32 - MARCELO DO RAP, TONINHO DO TRAILLER, DIEGO RODRIGUES, MADRUGADA & VALDIR CORREA
Samba n° 19 - DAURI, JC VIANNA, DUNGA, JORGINHO LAITHIANO & ROBERTO MOREIRA
Samba n° 07 - ROBERTO ZULU, GEORGE BAGRINHO, DI CARANGA & RAFAEL DRUMOND
Samba n° 12 - RENILSON NASCIMENTO, DIDI & GILMAR
Samba n° 04 - J. GIOVANNI, ZÉ GLÓRIA & RAFAEL XAVIER

'No Barracão' da Renascer com Salomão e Edson Pereira



Foto: Ary DelgadoA Renascer de Jacarepaguá está mesmo disposta a estrear em grande estilo no Grupo Especial, no Carnaval de 2012, quando vai entrar na Sapucaí com o enredo "Romero Britto: o pintor da alegria dá o tom na folia", que está sendo desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira.

O SRZD-Carnaval foi até o "Carandiru", local onde fica o barracão da escola, conferir os preparativos para o próximo desfile. O presidente da vermelho e branco, Antonio Carlos Salomão, afirmou que os trabalhos estão bem adiantados. Segundo ele, a agremiação levará para a avenida 3.800 componentes.

"A estrutura do nosso abre-alas está praticamente pronta. Agora daremos início a montagem. Nossos funcionários já estão trabalhando das 8h às 18h e as fantasias estão todas desenhadas", informou.

"Independente dos problemas com o espaço, da mudança do nosso barracão para a Cidade do Samba, ou não, vamos fazer um grande Carnaval", garantiu Salomão, lembrando do impasse sobre a ida da Renascer para a Cidade do Samba, como é de direito da escola, já que subiu para o Grupo Especial.

A escola de Jacarepaguá não se abalou com a possibilidade de ficar sem sua quadra de ensaios, no bairro do Tanque, devido às obras da Transoeste. Segundo funcionários da escola, já estava nos planos da diretoria a mudança de local da quadra. Inclusive, alguns locais, como um terreno de 7.000 m² e outro de 10.000m², já estariam sendo estudados. Porém, o espaço da nova quadra ainda não foi definido.

O grande homenageado, o artista plástico pernambucano Romero Britto, que faz aniversário no dia 6 de outubro, pretende comemorar a data na feijoada da escola, dia 8 de outubro, dia em que também será realizada a escolha do samba-enredo para o Carnaval 2012.
O SRZD-Carnaval também conversou com o carnavalesco da escola, Edson Pereira, que explicou como serão as alegorias, fantasias e qual será a mensagem que a agremiação de Jacarepaguá quer passar no próximo desfile.

Foto: Ary Delgado
Foto: Ary Delgado
Foto: Ary Delgado
Foto: Ary Delgado
Foto: Ary Delgado
Foto: Ary Delgado
Foto: Ary Delgado
Foto: Ary Delgado

'A Mangueira terá um Carnaval divertido com requinte', diz Cid Carvalho



Foto: DivulgaçãoEmoção, animação, expectativa, e muito trabalho, são as palavras que norteiam os pensamentos do carnavalesco Cid Carvalho, durante o processo de desenvolvimento do tema da Estação Primeira de Mangueira, para o Carnaval de 2012. No ano de sua estreia na verde e rosa, Cid prepara o enredo "Vou festejar! Sou Cacique, sou Mangueira". O experiente carnavalesco, que iniciou a carreira em 1998, na Beija-Flor de Nilópolis, onde ficou por 8 anos, e também tem em sua trajetória escolas como, Estácio de Sá e Mocidade Independente de Padre Miguel, falou ao SRZD-Carnaval sobre o que os torcedores da escola podem esperar da tão aguardada passagem da agremiação, na Marquês de Sapucaí, no próximo desfile.

"Eu estou muito animado com tudo. Estou trabalhando em uma das fases mais especiais do processo, que são os protótipos. É agora que começa a ser criada a identidade estética do Carnaval", disse.

"Vamos levar para a avenida 7 alegorias e nenhum tripé. A escola vai desfilar com aproximadamente 4.000 componentes", completou.

Cid Carvalho destacou um dos diferenciais do Carnaval da verde e rosa.

"O diferencial é que a Mangueira é uma escola com muita personalidade, então é preciso respeitar o verde e o rosa. Vou evitar ao máximo fugir das cores, com exceção do momento em que será retratado o Cacique de Ramos", informou.

Foto: DivulgaçãoE ressaltou uma das prioridades do próximo desfile.

"Nossa grande aposta é no chão da escola. É claro que a Mangueira já é conhecida neste aspecto, mas dessa vez, as fantasias serão preparadas para que os componentes se divirtam. A Mangueira terá um Carnaval divertido, com qualidade e requinte", garantiu.

"Isto não quer dizer que a escola virá pobre. Vamos vestir o componente de modo que ele possa brincar, dançar, relembrando exatamente os blocos de rua. As fantasias não terão excesso de esplendor e adereços pesados nas costas",completou.

Cid falou ainda, de como é estabelecer os conceitos dos setores do desfile que será apresentado, e da emoção que ele viverá na Sapucaí.

"Cada setor é uma viagem muito bacana. Alguns vão relembrar os antigos blocos e suas histórias. Depois vou utilizar como título algumas músicas do famoso "pagode do Cacique", relatou.

"Uma das maiores expectativas é saber como eu vou vou reagir ao desfile da Mangueira. Todo mundo sabe que a chegada da verde e rosa na avenida é muito aguardada por todos, independente da escola que torçam. Sei que estarei tomado de emoção", confessou.

A Estação Primeira de Mangueira será a 4ª escola a entrar na Marquês de Sapucaí, dia 20 de fevereiro, segunda-feira de Carnaval.

Ilha eliminou dois sambas no último domingo



As noites continuam agitadas na União da Ilha. No último domingo, a escola promoveu mais uma eliminatória de sambas-enredo, desta vez desclassificando duas composições. No próximo final de semana, também no domingo, a tricolor realiza a disputa com dez composições a partir das 20h. A bateria de Mestre Riquinho e a rainha Bruna Bruno também vão ditar o ritmo na apresentação.

Confira as parcerias classificadas para a próxima eliminatória:
- Geralda, Serjão do Cavaco & Genilson
- Fabio Sol, Flavinho Queiroga, Igor, Sanro, João Bahia
- Almir da Ilha
- Ginho Professor, Jair Turra, Junior, Vinícius do Cavaco & Wagner Mariano
- Walkir, Jefferson Martin, Carlinhos do Sete, Fabio Bastos & Herbert Rocha
- Carlinhos Fuzil, Fabiano Fernandes, Aloísio Vilar, Cadinho & Roger Linhares
- Alberto Varjão, Marquinho do Banjo, Eduardo, Alllan & Márcio André Filho
- Raphael Ilha, Pablo Lima, Ronald, Jaú & Agostin Lourenzo
- Felipão, Rubão da Ilha, De Paula & Niva
- Eli Dr., Paulinho Serrão, G. Martins, Jorge da Padaria & Chico da Vila
Eliminados:
- Atila Segovia, Leo Antunes, Paulo Baiano e Benito
- Tio Rubem, Roberto Freire, Renato Granata, Paulo Roberto e Rafael Melo
SERVIÇO:
Local: Associação Atlética Portuguesa - Rua Haroldo Lobo, 400 - Ilha do Governador
Ingresso: R$ 10
Horário: a partir das 20h
Informações: 3396-8169

Salgueiro recadastra alas da comunidade



Foto: DivulgaçãoA escola de samba Acadêmicos do Salgueiro realizará, à partir do dia 8 de setembro, o recadastramento das alas da comunidade para o Carnaval de 2012. Os componentes que desfilaram nas alas "Noite de Estreia", "Negões", "Procurando Atlântida" e "Mendigos" serão aguardados na respectiva data, das 20h às 21h, na quadra da Academia do Samba.

Futuramente, novas datas serão agendadas para o recadastramento das demais alas. Até o  momento, não serão abertas inscrições para novos integrantes.

O endereço da quadra da vermelha e branca é rua Silva Teles, número 104, Andaraí.

Mangueira vence concurso 'Feijoada Nota 10 - Rio Gastronomia'



Foto: Divulgação
A feijoada da Estação Primeira de Mangueira foi eleita a melhor entre oito escolas de samba, segundo jurados do festival Rio Gastronomia, organizado pelo jornal "O Globo".
Durante as visitas, eles analisaram o sabor e apresentação do prato, além da ambientação e da animação da quadra durante o evento.

A vitória da verde e rosa foi anunciada durante uma festa no Circo Voador, no último sábado, dia 27 de agosto, quando recebeu o troféu Feijoada Nota 10 - Rio Gastronomia.

Porto da Pedra conquista o segundo lugar

A tradicional feijoada da Família Tigre foi eleita a segunda melhor do Rio de Janeiro, no Rio Gastronomia.

O presidente da escola, Francisco Marins, declarou que o vice-campeonato teve sabor de título e ficou muito feliz com a o resultado do concurso.

"Desde que assumimos a direção, nossa equipe tem trabalhado muito para valorizar cada vez mais a comunidade de São Gonçalo e fortalecer a imagem da Porto da Pedra. Este ano está sendo muito especial. Estamos organizados e uma prova disso foi a nova roupagem que demos a feijoada da Família Tigre há três meses. Somos a segunda melhor do Rio e essa colocação tem gosto de título", disse.
Foto: Divulgação

D. Ângela, responsável pelo proncipal prato da festa, e que agrada paladares mais exigentes, disse que prepara a feijoada como muito "amor e dedicação" e está muito orgulhosa com a premiação.

NOTÍCIAS POR EMAIL:

PESQUISAR